Verdades que os poemas não escondem

Há cerca de dois meses tenho seguido uma rotina matinal sagrada: acordo, escovo os dentes, tomo meu café da manhã, abro meu Instagram e posto um poema de Rupi Kaur no meu Stories (às vezes faço outras coisas entre tudo isso, mas vocês entenderam). Todos os dias é uma facada diferente sobre temas doídos como relacionamentos, traumas, amores e dissabores. Os quatro capítulos do livro Outros … Continue lendo Verdades que os poemas não escondem